Secretaria reforça importância do combate ao Aedes aegypti

Levando em conta o aumento da proliferação do mosquito Aedes aegypti em todo o país, a Secretaria Municipal da Saúde reforça a importância da população no combate ao inseto, que é causador da Dengue, Chikungunya e do Zika Vírus.


Dados do Ministério da Saúde apontam que 90% dos focos dos mosquitos estão dentro dos domicílios e destes, 80% são em reservatórios de água. A orientação é de que as pessoas não acumulem lixo nem água, como em vasos e pneus, para evitar que esses locais se tornem criadouros do Aedes aegypti.


A secretária municipal da Saúde, Iara Kohlrausch, destaca que o município realiza vistorias constantes nos locais de armadilha e em pontos estratégicos, mas que a cooperação da comunidade é fundamental tendo em vista que a maior incidência de criadouros é nas residências.


Nenhuma larva do mosquito foi encontrada em Santa Clara do Sul até agora nem houve qualquer caso de doença transmitida por ele no município. "Mesmo assim, temos que manter cuidados permanentes”, finaliza a secretária. Em caso de dúvida, a população pode entrar em contato com a Secretaria da Saúde.


3 visualizações0 comentário