Reunião debate a agroecologia regional

Santa Clara do Sul sediou uma reunião da Articulação de Agroecologia do Vale do Taquari (AAVT) nesta quarta-feira, dia 20, que teve a participação de agricultores, integrantes de prefeituras, Emater, Centro de Apoio e Promoção da Agroecologia (CAPA), Univates, Universidade Estadual do Rio Grande do Sul e outras entidades que apoiam a produção orgânica na região.

O encontro ocorreu na propriedade de Marcelo Eckhardt, em Nova Santa Cruz, interior de Santa Clara do Sul. Marcelo é um dos 13 produtores do município que recentemente foram certificados com o selo de produção orgânica. No total, 30 famílias integram o programa Santa Clara Mais Saudável, que desde 2017 estimula a agroecologia local.

Na reunião foram definidos alguns eventos ligados à produção orgânica a serem realizados durante o ano. Um deles está programado para o mês de maio, na Semana Nacional dos Alimentos Orgânicos. Outro será realizado em outubro, em alusão ao Dia Mundial da Alimentação. Também ficou acertada uma formação que terá como tema a certificação participativa.

De acordo com o engenheiro agrônomo do CAPA, Lauderson Holz, o objetivo maior da AAVT é divulgar e incentivar o consumo de alimentos orgânicos no Vale do Taquari.


Santa Flor 2019

O município dará um enfoque especial à agroecologia na Santa Flor 2019. Neste ano, o evento será realizado de 19 a 22 de setembro. O propósito é fomentar a cultura orgânica e sustentável por meio da exposição e venda de produtos ligados ao setor e criar um espaço de debate da agroecologia por meio de palestras, oficinas ou fóruns com especialistas na área. A corte da feira é formada pela rainha Eduarda Uebel e pelas princesas Estéfani Bald Walter e Jenifer Ruschel.

Reunião ocorreu na propriedade de Marcelo Eckhardt, em Nova Santa Cruz, interior de Santa Clara do Sul

144 visualizações0 comentário