Produtores recebem certificação orgânica

Os primeiros 13 produtores dos 30 que integram o programa Santa Clara Mais Saudável tiveram as suas propriedades certificadas como orgânicas nesta quarta-feira, dia 9, em evento realizado no Centro Administrativo. A partir de agora, os agricultores poderão vender os seus produtos com o selo máximo de qualidade.

Os certificados foram expedidos pela Rede Ecovida, que realizou as visitas técnicas de avaliação nos meses de outubro e novembro do ano passado, numa parceria com o Centro de Apoio e Promoção da Agroecologia (CAPA) de Santa Cruz do Sul, por meio do sistema participativo de certificação.

Segundo o técnico agrícola do CAPA, Augusto Weber, o envolvimento do poder público tem sido fundamental para o sucesso do programa. “A parceria do governo municipal com os produtores é um dos diferenciais de Santa Clara do Sul em comparação a outras cidades que cultivam orgânicos”, salientou. Weber também adiantou que alguns produtores do município serão convidados a integrar a comissão de ética para começar a participar do processo de certificação em outras regiões.

A coordenadora do CAPA, Melissa Lenz, destacou que esse foi o evento com mais agricultores certificados de uma única vez nos 40 anos de história da entidade. “Trata-se de um momento extremamente importante e que é possível devido ao investimento da administração municipal, que oferece toda a estrutura necessária para que o programa se fortaleça cada vez mais”, frisou.

Representando as famílias certificadas, a agricultura Vera Immich agradeceu ao governo municipal, Emater, Rede Ecovida, CAPA e a todos que auxiliaram na concretização de mais essa etapa. Ainda enalteceu o comprometimento de todos os produtores integrantes do programa, que tem se esforçado para produzir e oferecer produtos saudáveis e de qualidade à população.

Para o secretário municipal de Infraestrutura, Edson Mallmann, trata-se de um momento emblemático para Santa Clara do Sul. “Já alcançamos várias etapas importantes, com destaque para a inauguração da nossa feira de alimentos saudáveis. E agora temos a alegria de ver as primeiras famílias sendo certificadas, o que exigirá ainda mais comprometimento e dedicação dos nossos produtores e do governo municipal”, comentou.

O prefeito Paulo Kohlrausch parabenizou todos os envolvidos no programa, que tem se destacado pela consistência e resultados alcançados. “Passou-se apenas um ano e meio desde o lançamento do projeto e já estamos certificando os primeiros produtores”, comemorou. Para ele, a certificação é um reconhecimento ao trabalho desenvolvido em conjunto entre governo municipal e produtores. “O que aumenta a responsabilidade de entregar um produto de qualidade, sem agrotóxicos”, reforçou.

Kohlrausch também informou a realização da 4ª SantaFlor em setembro deste ano, que terá na produção agroecológica o tema principal. “A feira será uma referência em discussão da agroecologia por meio de palestras, cursos e workshops. Mais do que vender alimentos orgânicos, queremos difundir o conceito de sustentabilidade”, observa.


Saiba mais

O programa Santa Clara Mais Saudável visa construir uma cultura de consumo e produção de alimentos saudáveis em Santa Clara do Sul, tornando-se referência no setor. Com produtos orgânicos, livres de agrotóxicos, o governo municipal promoverá saúde e qualidade de vida à população. Outro objetivo é estimular a educação alimentar, fazendo com que as pessoas sejam mais exigentes ao comprarem alimentos. E o terceiro eixo é a sustentabilidade, tanto ambiental quanto econômica.

A exemplo de 2006, quando Santa Clara do Sul diversificou a economia com o cultivo de flores, o enfoque agora é gerar mais renda aos produtores e ao município a partir da agroecologia. Com um setor primário forte, a administração terá mais recursos para investir em melhorias à comunidade. Trata-se, ainda, de uma opção de sucessão rural, pois o projeto oferecerá subsídios aos jovens ficarem no campo. E melhor de tudo, sem agredir a natureza.


O programa em etapas

- Junho de 2017 – Lançamento do programa Santa Clara Mais Saudável;

- Junho de 2017 – Sancionada a lei de incentivos à produção orgânica;

- Julho de 2017 – Início das qualificações técnicas para os produtores;

- Outubro de 2017 – Introdução de alimentos orgânicos na merenda escolar;

- Junho de 2018 – Programa é case de sucesso em seminário estadual;

- Março de 2018 – Implantação do projeto de hortas escolas na rede de ensino;

- Agosto de 2018 – Inauguração da feira de alimentos saudáveis do município;

- Janeiro de 2019 – Primeiros produtores de orgânicos recebem a certificação.

Treze das 30 famílias que integram o programa receberam o certificado de produção orgânica

157 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Secretaria de Saúde

Assistência Social:

Conselho Tutelar

Fiscalização (Sanitário)

Departamento de Obras

Conselho Tutelar (Alternativo)

Plantão da água (Vivo)

Departamento da Agricultura

Ambulância

Plantão de máquina (Vivo)

Plantão da água (Claro)

Secretaria da Educação

Ambulância (Alternativo)

Plantão de máquina (Claro)

Fiscalização (Geral)

Sala de Negócios

Prefeitura de Santa Clara do Sul

Fone: (51) 3782-2250

Avenida Emancipação, n° 615, Centro

Santa Clara do Sul - RS

  • Facebook Social Icon
  • Twitter Social Icon
  • YouTube Social  Icon
  • Instagram Social Icon