top of page

Livro conta a história de Santa Clara do Sul

Passado, presente e futuro conectados pelo desenvolvimento de Santa Clara do Sul. É com este propósito de valorização à história, cultura, inovação e tecnologia que o governo municipal fez o lançamento do primeiro livro do município. O evento ocorreu na quinta-feira, 1º de junho, no Clube Centro de Reservistas, com um público superior a 300 pessoas.


Idealizado pela administração municipal com o patrocínio da Sicredi Integração RS/MG, o livro “Nós não estamos sozinhos – História de fé e luta de Santa Clara do Sul” resume os desafios e conquistas do município desde a colonização, passando pelo combate vitorioso dos colonos contra os maragatos e pelo importante processo de emancipação até os dias atuais.


Ao longo de 10 capítulos e 260 páginas, a obra mergulha no tempo e se coloca dentro de cada época, como se incorporasse os personagens. E de maneira lúdica, com boa dose de criação e imaginação, descreve uma história rica em detalhes sobre Santa Clara do Sul. A criatividade do autor se vale de duas personagens – no passado e presente – e as conecta com a Santa Clara de Assis, padroeira do município. Ambas atendem o chamado da Santa e protagonizam a dádiva da doação, do amor e da compreensão em sua volta.


Escrito pelo jornalista Eduardo Dorneles, através do Estúdio Alfa, o livro também teve a colaboração de Patrícia Schneider, Neli Galarce Machado e Marcos Rogério Kreutz, da Univates. A obra ainda contém um álbum com fotos que ilustram um pouco da história e do desenvolvimento do município ao longo dos mais de 150 anos de colonização. O livro é resultado de um trabalho minucioso de aproximadamente 1 ano e oito meses, entre pesquisa, entrevistas, escrita, correção, diagramação e impressão.


De acordo com o prefeito Paulo Kohlrausch, a idealização do livro de Santa Clara do Sul tem o intuito de promover uma conexão com a verdadeira essência do povo. “É uma forma de valorizarmos e eternizarmos fatos importantes e pessoas que contribuíram para que pudéssemos estar aqui hoje comemorando o desenvolvimento e a qualidade de vida da nossa terra”, enfatiza.


O prefeito acredita que além de manter viva a história local, o livro se torna uma rica fonte de pesquisa para a comunidade, em especial aos alunos, ampliando o seu conhecimento sobre o município. “Da mesma forma, vira um instrumento relevante de pesquisa para os visitantes e turistas, que passam a ter acesso qualificado à história de Santa Clara do Sul”, salienta.








51 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page